13/01/2020 às 16h28min - Atualizada em 13/01/2020 às 16h28min

Temporada 2020 com programação de filmes independentes no Cine Teatro Cuiabá

Da assessoria
Prefeitura de Cuiabá

Depois de três sessões com casa cheia em 2019, o filme “Bacurau” (Kleber Mendonça Filho & Juliano Dornelles, Brasil, 2019, 131’) retorna ao Cine Teatro Cuiabá nesta terça-feira (14.01), às 19h30. O longa, vencedor do Prêmio do Júri no Festival de Cannes 2019, abre a Temporada de Filmes 2020 do Cine Teatro Cuiabá, que até o final de abril exibirá 15 obras, destaques no circuito de mostras e festivais de cinema. A maioria dos filmes é inédita em Mato Grosso.

A Temporada de Filmes é realizada pelo Cine Teatro Cuiabá, que possui um contrato de gestão compartilhada com a Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), o Cineclube Coxiponés (ProcevUFMT), Rede Cineclubista de Mato Grosso e MTCine. A programação é resultante de parcerias com algumas distribuidoras de filmes do circuito independente, como a Arteplex Filmes (Bixa Travesty), Espaço Filmes (Meu nome é Daniel e Euforia) e Vitrine Filmes & Galeria Distribuidora (demais filmes programados).

“Desde 2016 o Cine Teatro Cuiabá vem estabelecendo parcerias importantes com iniciativas de difusão audiovisual, sobretudo do cinema brasileiro, que têm garantido ao público local a oportunidade de apreciar filmes relativamente novos e que mobilizaram crítica e público em mostras e festivais de cinema que privilegiam vertentes mais autorais do audiovisual”, enfatiza Flávia Taques, gestora do Cine Teatro Cuiabá.

As sessões acontecem sempre às terças-feiras, às 19h30. A única exceção envolve a exibição, em 29 de janeiro (uma quarta-feira, também às 19h30), de Bixa Travesty, filme de Cláudia Priscilla & Kiko Goifman premiado com o Teddy Award de melhor documentário no Festival de Berlim 2018. O filme integra uma programação especial em torno do Dia da Visibilidade Trans, com mediação e performances de Raphaely Luz, Luisa Lamar, Sophie Silva e HEND.

A entrada para a Temporada de Filmes custa apenas uma taxa de manutenção de R$4,00 (inteira) e R$2,00 (meia).

Serviço

O Cine Teatro Cuiabá é um dos equipamentos culturais da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). Está localizado na Avenida Presidente Getúlio Vargas, 247, Centro de Cuiabá. Telefone: (65) 2129-3848. Email: contato@cineteatrocuiaba.org.br e atendimento@cineteatrocuiaba.org.br
 

14 de janeiro, 19h30

Bacurau (Kleber Mendonça Filho & Juliano Dornelles, Brasil, 2019, 131’)

Sinopse: Um western brasileiro. Um filme de aventura e ficc¸a~o cienti´fica. Daqui a alguns anos… Bacurau, um pequeno povoado do serta~o brasileiro, da´ adeus a Dona Carmelita, mulher forte e querida por quase todos, falecida aos 94 anos. Dias depois, comec¸am os sinais de que a tranquilidade de Bacurau estara´ sob ameac¸a. No entanto, ninguém contava com um detalhe: que no passado desse lugar extraordina´rio estava adormecido um talento especial para a aventura. Prêmio do Júri no Festival de Cannes 2019. Classificação indicativa: 18 anos

Além do Prêmio do Júri no Festival de Cannes 2019, “Bacurau” foi eleito o melhor filme da competição internacional Cinemasters no Festival de Munique 2019 e também recebeu os prêmios de melhor direção e melhor filme no Festival de Cinema de Lima 2019.

21 de janeiro, 19h30

O processo (Maria Augusta Ramos, Brasil, 2018, 137’)

Sinopse: Um olhar pelos bastidores do julgamento que culminou no impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff em 31 de agosto de 2016. O filme testemunha a profunda crise política e as tensões nas instituições democráticas no país. Melhor documentário internacional no Visions du Reel 2018 e no Festival de Berlim 2018. Classificação indicativa: 18 anos.

28 de janeiro, 19h30

Divino Amor (Gabriel Mascaro, Brasil, 2019, 99’)

Sinopse: Brasil, 2027. Uma devota religiosa usa seu ofício num cartório para tentar dificultar os divórcios. Enquanto espera por um sinal divino em reconhecimento aos seus esforços é confrontada com uma crise no seu casamento que termina por deixá-la ainda mais perto de Deus. Festivais 2019: Sundance, Mostra Panorama no Festival de Berlim, IndieLisboa. Classificação indicativa: 18 anos

29 de janeiro (quarta-feira), 19h30

Sessão especial – Dia da Visibilidade Trans.

Mediação: Raphaely Luz, Luisa Lamar, Sophie Silva e HEND.

Bixa Travesty  (Claudia Priscilla e Kiko Goifman, Brasil, 2018, 75’)

Sinopse: Documentário de longa-metragem com a cantora transexual brasileira Linn da Quebrada. Grande expoente na cena musical de São Paulo, dona de uma forte e ousada presença no palco, busca constantemente discutir e quebrar paradigmas e estereótipos. Teddy Award de Melhor Documentário no Festival de Berlim 2018, Melhor Direção no Festival de Cartagena 2018, Melhor Filme pelo Júri Popular e Melhor Trilha Sonora no Festival de Brasília 2018. Classificação indicativa: 18 anos

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp